logo

united kingdom(great britain)     spain
English   Espanhol

Notícias

image image image image
Relatórios Anuais de Administração Reletório de administração de 2016 - Parte 1 | Parte 2  Relátorio de administração de 2015 - Parte 1 Reletório de administração de 2012 à 2014 - Parte 1   Leia mais
Diário Oficial destaca investimentos e serviços da Estrada de Ferro Campos do Jordão 21.07.15 A Estrada de Ferro Campos do Jordão é destaque da edição de 21 de julho de 2015 do Diário Oficial do Estado de São Paulo. A reportagem dá um panorama geral da ferrovia e ressalta a modernização pela qual a ferrovia vem passando nos últimos anos, graças aos investimentos feitos pelo Governo do Estado. A publicação também destaca os serviços da EFCJ, que são referência no Festival de Inverno de Campos do Jordão. Leia mais
EFCJ amplia operação turística e lança exposição itinerante A Estrada de Ferro Campos do Jordão – EFCJ, órgão veiculado à Secretaria dos Transportes Metropolitanos do Estado de São Paulo, segue cumprindo seu papel de fortalecer o turismo nas cidades em que atua. Desde o sábado, 18 de julho, a ferrovia amplia sua operação turística em Pindamonhangaba e lança uma exposição itinerante em Campos do Jordão. Leia mais
Relatório da Administração 2012-2014 Clique para ver o relatório Leia mais

Um dos principais atrativos do chamado Circuito da Mantiqueira é a quase centenária Estrada de Ferro Campos do Jordão, cuja operação iniciou-se em 1914.

Desde 1916 ela é de propriedade do Governo do Estado de São Paulo, sendo atualmente administrada pela Secretaria dos Transportes Metropolitanos.

Concebida pelos médicos sanitaristas Emílio Ribas e Victor Godinho, seu objetivo inicial era o transporte de doentes tísicos para os sanatórios de tratamento, então localizados em Campos do Jordão.

folheto
Faça download do folheto de apresentação da EFCJ

 

Com o desenvolvimento dessa cidade, a EFCJ consolidou-se como o principal meio de acesso à região, tornando possível o transporte não só de doentes e de seus familiares, mas de todos que residiam e demandavam as localidades situadas na área de influência da ferrovia.

A partir da década de 70, a ferrovia consolidou-se como um equipamento vocacionado para o uso turístico, expandindo suas atividades para a operação de teleférico – o primeiro implantado no Brasil - e de parques turísticos, atividades que complementam a ferrovia como destino diferenciado de turismo.

O traçado da ferrovia inicia-se em Pindamonhangaba, no Vale do Paraíba, e termina em Campos do Jordão, passando pelo município de Santo Antônio do Pinhal, totalizando 47 km de extensão.

Nesse trajeto alternam-se diversos serviços ferroviários, como o Trem de Serra, o Bonde Turístico, a Maria Fumaça, entre outros, com diferentes percursos, horários e tarifas.

Partindo de Pindamonhangaba, a Estrada sobe as encostas íngremes da Serra da Mantiqueira num traçado sinuoso, com rampas de até 11,5% de aclive, vencidas em simples aderência. O traçado possui uma ponte construída na França, em 1924, transportada para o Brasil totalmente desmontada e edificada sobre o rio Paraíba do Sul. Sua extensão total é de 160 metros, possuindo quatro vãos sustentados por pilares em pedras talhadas a mão.

Situa-se na Estrada de Ferro Campos do Jordão o ponto ferroviário mais alto no Brasil, o Alto do Lajeado, atingindo 1.743 m de altitude.

A viagem de 47 km dura pouco mais de duas horas, tempo suficiente para os passageiros se extasiarem com a beleza da paisagem.

Vídeos

video
Vídeo institucional da EFCJ
circuito_mantiqueira
Conheça o Circuito Mantiqueira